NASA utilizando realidade virtual para treinamento de astronautas

Headsets de realidade virtual já não são novidades no meio de inovação, mas ainda assim, seguem como uma das principais tendências de desenvolvimento de experiências em diversos setores. Contudo, diversas aplicações interessantes permitem que essa tecnologia seja usada a favor do desenvolvimento da sociedade, como na saúde e educação.

No vídeo abaixo, o Engenheiro de Software da NASA, Mathew Noyes, detalha as aplicações da tecnologia nos treinamentos que vão desde voôs desenhados para atingir baixas gravidades até técnicas de submersão em água. Toda essa experiência torna as situações de treinamentos muito mais realísticas para os futuros astronautas.

A intenção da NASA é que os astronautas não utilizem a realidade virtual apenas para treinamentos, mas também para escapismo enquanto estiverem em missões ou grandes períodos de treino e, também, para se comunicarem com familiares através de uma experiência que se aproxime mais da realidade. Há mais de 10 anos, pesquisadores de Dartmouth, Harvard, além de outras instituições, trabalham com projetos da Estação Espacial Virtual, buscando evitar conflitos sociais e de saúde mental dos astronautas no espaço.

Em 2014, o laboratório de inovação e liderança de arte digital de Dartmouth, já havia recebido 1,6 milhões de dólares da NASA para construir esse projeto de realidade virtual que continua em constante desenvolvimento, e tem como foco fazer com que os astronautas sintam-se em casa durante a próxima viagem a Marte.

Quem sabe experiências como essa não somente permitam com que os astronautas se sintam em casa durante suas missões espaciais, mas que possam também nos fazer conhecer, mesmo que virtualmente, o espaço. Seria sensacional, não é mesmo?

Fonte: Unreal Engine e Motherboard / VICE